31 de maio de 2011

Dica de site: Blogs com o tema casamento

Quando eu estava de casamento marcado fiz muitas, mas muitas pesquisas na net para ver se criava na minha mente meu dia perfeito.
Acontece que já casei mas os blogs que eu sempre acessavam continuam aqui na minha lista. Acho que agora não tenho mais essa necessidade, a menos que eu precise "roubar" idéias para festinhas de aniversário e chá dazamiga!
Então, pra quem quiser dicas de cerimônia, buffet e tudo o mais, vale o clique!

- Casarei;
- Yes Wedding;
- Eventu Consultoria;
- Vestida de Noiva;
- O Casamento do Ponto de Vista da Fotógrafa;
- Atelier Lethicia

27 de maio de 2011

Coloque uma coisa em sua cabeça

A graça da vida é ter um objetivo. Todos devemos ter sonhos e lutar pra vê-los realizados.
Eu tive vários objetivos alcançados e a sensação de felicidade com a realização é muito boa. Supera até o sentimento de frustração quando as coisas dão errado. Sei como é fracassar pois também sou um pouco loser nessa vida... Mas isso não importa mais. Ontem é passado, já foi. O que vale é agora.
Nessa fase da minha vida, tenho objetivos mais modestos já que fica mais fácil para realizar. Com o tempo adquiri senso de realidade. Quero coisas simples, que cabem em minha realidade, pois a verdadeira felicidade está nas coisas mais simples: andar de bicicleta na chuva, comer o que a gente tem vontade, escolher um cantinho só seu e sorrir.
Hoje acordei otimista.

26 de maio de 2011

24 de maio de 2011

Só sei que foi assim...

Até dormindo vejo futebol. Noite passada (pra amanhecer domingo) sonhei com a final da Libertadores: Santos e Peñarol. Jogo de ida foi 0 x 0. No jogo de volta ganhamos na marra, um 2 x 1 sofrido.
Eu estava no estádio com meus colegas santistas. Festejamos como se não houvesse amanhã. E o sentimento de felicidade era intenso, como se não acabasse nunca. Acordei com o som de fogos, acho que isso fez parecer tão real.
Hora de voltar pra realidade. Temos ainda 4 rodadas até a final. Tomara que chegue lá. Estou na torcida.

23 de maio de 2011

AAAAAAAAAAAAAAAAAH!!!!

Mais uma semana começa em mais um mês que aos poucos termina.
Hoje eu acordei super bem. Nada de mal humor, nem sono acumulado e nem preguiça de levantar. Tomei um banho gostoso pra despertar, fiquei bem linda e cheirosa, fiz a minha refeição e saí trabalhar.
Meu meio de transporte para o trabalho é a bicicleta. Adoro pedalar. Desde criança as minhas maiores aventuras aconteceram na companhia de bons amigos e claro, da bicicleta. Sou um pouco como o menininho desse vídeo.
Agora, na fase adulta da vida, não posso desviar-me do caminho. Tenho contas à pagar! Ser adulto é ter responsabilidades e obrigações. É de casa pro trabalho e sem frescuras. Não posso me atrasar! Mas que dá vontade de pegar uma direção oposta... ah, isso dá!
A independência tem um preço. E levantar cedo para trabalhar é o preço que a maioria de nós vamos pagar.

20 de maio de 2011

Tá chegando o dia dos namorados!!!

Ei, você! O que vai comprar pro seu namorado?
Eu ainda não sei o que dar para o meu. Estou pesquisando e quanto mais procuro mais difícil fica a minha escolha já que tenho n+1 opções de presente para ele. O duro é que não tenho muito o que gastar e não queria dar um presente sem graça.
Acho que vou fazer um cartão artesanal, algo feito por mim, junto com o presente que eu irei comprar (assim que o pagamento vier, claro).
Dentre as opções temos:

Uniforme 2 do São Paulo - 2011

Camisa de futebol.
Futebol é uma coisa que a maioria dos homens ama. Conheço poucos que não tem um time para torcer. O meu é São Paulino.
A camisa oficial desse ano pode ser facilmente encontrada na maioria das lojas de material esportivo, e on line também, por apenas R$179,90. A do ano passado sai mais em conta, mas o ano passado já acabou, já foi. Passado não volta mais. It's so last season.

Tênis.
Andei pesquisando também os preços dos pares de tênis. Não tênis de academia; quero aqueles tênis estilosos tipo os All Star ou os Adidas. E o preço varia de R$79,90 até o infinito.

Livro, CD e DVD.
Outra coisa bacana para comprar seria um desses itens já listados. DVD com show é o mais provável. Se tiver um documentário bacana sobre algum artista também vale. Afinal, além de presentear posso adquirir cultura com o meu amorzão.

Relógio.
Mais uma idéia de presente bacana. Só que relógio bom é caro e tô correndo disso!

Itens tecnológicos.
Celular, Ipad, Ipod... Quanto mais tecnológico mais divertido. E mais dispendioso.
Já risquei da lista.

Tem umas coisinhas bacanas no site da Imaginarium, mas sei lá... Tenho mais 15 dias pra pensar com carinho e decidir.
Boa sorte pra mim!

19 de maio de 2011

Obras não concluídas

Tenho em casa um apanhado de obras não concluídas. Artesanatos que comecei e não terminei por um motivo qualquer. Estão lá, paradinhas num canto, só esperando o dia em que a minha boa  vontade vai aflorar e eu vou, alegremente, pegar cada uma delas para concluir.
Tenho um saco de retalhos para fazer tapete, alguns pedaços de tecido para fazer saias e vestidos, toalhas que precisam ser bordadas... E muitas outras coisinhas para ir organizando pausadamente.
O que me mata é passar mais de dez horas sentada, às vezes com a cabeça fervendo e outras vezes completamente ociosa, no meu local de trabalho. Aí chego em casa e até organizar o meu raciocínio, ver o que precisa ser feito na cozinha e se páh sair pra comprar alguma coisa, a hora voou e quando vejo já é quase meia noite.
Essa dupla jornada não é nada fácil e tem horas que cansa mesmo. Dá vontade de largar tudo e fugir pra Groenlândia e ficar lá pra ver as camadas de gelo se derreterem. Mas sou forte, sou guerreira. Não desisto jamais (cóf, cóf) e vou continuar lutando. E espero em breve terminar tudo o que tenho pra fazer.
Por hoje é só.

18 de maio de 2011

Dica de compra: Sony Ericsson W100

Eu finalmente troquei meu celular. Uma vergonha passar 6 anos com o mesmo aparelho. Ele ainda funciona e continua sendo muito querido, mas tinha poucas funções tecnológicas. O negócio era só torpedo e chamadas. Eu queria mais, queria câmera, mp3. Queria me livrar daquele toquezinho sorveteiro. Em fevereiro comprei um W100.
Sou zero à esquerda com essas coisas multifuncionais e ainda estou aprendendo a utilizar todos os recursos que ele oferece. E estou adorando. Além de ser bonito, é prático e funcional. A qualidade de imagem da câmera é ótima, tem cartão de memória, o que faz a gente encher de música e não tirar o foninho do ouvido! Acessa a internet (essa eu demorei uma cara pra conseguir, por que né, não sei configurar e precisei de ajuda. Obrigada, Rodrigo) e tudo mais.
Tem mil e uma funções e todas funcionarão perfeitamente se você tiver créditos e o carregador de bateria sempre a mão (a bateria dura cerca de 2 dias comigo).
No site do fabricante tem as especificações e tals. E o precinho é bem camarada. Vale a pena.

17 de maio de 2011

Eu e meu guarda-roupas

Sou como qualquer outra mulher: adoro uma liquidação. Não posso ver uma promoção, uma oportunidade que vou correndo comprar peças novas. E na hora de me vestir pra sair, nunca tenho roupa. Normal. Que mulher não é assim?
Ontem peguei meu guarda-roupas para organizar. Passar as roupas limpas, ajeitar as gavetas e remover o que já não me serve mais e acomodar as novas aquisições. E como tinha peças que há muito tempo não uso! E é tão difícil se desfazer de algumas coisas. Tenho um certo apego às coisas que tenho. Por que será?
Pra mim, aquele critério dos 6 meses sem uso não cabe, pois tenho blusas que só uso quando está frio, muito frio. Coisa que só acontece no alto inverno, lá por junho ou julho. Então, essas peças ficaram (mesmo sendo de 4 ou 5 invernos atrás).
O critério de seleção do que vai ou não para doação foi o conforto. Roupas que me apertam ou marcam em áreas salientes foram descartadas. Blusas tomara que caia, transparentes ou de alcinhas foram eliminadas. Ora, já não me sinto mais a vontade expondo partes do meu corpo. Afinal, já sou uma "senhora" casada.
Percebi que com o passar do tempo muita coisa mudou: as medidas do meu corpo aumentaram em determinada região, a minha preferência por certas cores, a variedade de estilos foi o que mais observei.
No final, algumas coisas se vão, coisas novas são adiquiridas e a vida segue.

16 de maio de 2011

Que vida!

Nossa, não acredito que o fim de semana já acabou! Como é possível as horas passarem tão rápido enquanto a gente se diverte, não?
Sexta-feira, passei o dia em casa organizando e limpando. Sábado, a maior parte do tempo passei na rua, andando com a minha mãe em vários lugares em busca de um presente pelo aniversário do meu irmão (dia 27) e  de uma tia (foi ontem). Entramos na Riachuelo e lá, já sabe, é perdição!
Entrei também na Americanas. Comprei um CD do Black Sabbath por apenas R$1,99! Gente, o Rock não está  valendo mais nada mesmo! Qualquer hora volto lá pra ver se encontro mais assim. Adoro comprar CD's.
Eu até queria ter ido à um bar ver o cover do Creedence, mas sei lá... Bateu uma moleza tão grande que acabei cochilando no sofá.
Domingão é dia de clássico futebolístico. Fiquei feliz pra caramba vendo meu Santos ser campeão mais uma vez. Mas isso não é nada! Quero ver ganhar a Libertadores.
Hoje, dia de trabalho, duro, árduo, casativo. Dia longo em que as horas se arrastam lentamente. E ainda tem mais: chegar em casa e encarar o fogão e o ferro de passar. Se der tempo, vou dar uma organizada no meu guarda-roupas.

13 de maio de 2011

Uhuuuull

Hoje é sexta-feira. Nossa, como a semana passou rápido!
Não fui trabalhar. Peguei meu ultimo dia do processo eleitoral para ficar em casa. E ficar em casa é tão bom! A hora passou muito rápido. Acordei super tarde hoje e cuidei do serviço de casa. Não tudo, mas boa parte...
Só estou um pouco cansada de ficar em casa sozinha. Esse horário de trabalho do meu marido realmente é muito trash. Eu não gosto nenhum pouco.
Hoje não vou fazer nada de especial. Só um hot dog pra janta.
Amanhã, não sei. Tô meio sem rumo e um pouco sem perspectiva de diversão. It's my life!

10 de maio de 2011

Dia das mães.

Antes tarde do que nunca, uma foto resumindo como passamos o dia das mães por aqui: Eu fazendo o almoço, cuidando das visitas e a minha mãe suave na nave, só curtindo o passeio e os presentes que ela ganhou.
Agora quero descobrir onde ela está aprendendo a fazer essas poses. Ela não era assim. Antigamente, fotografava toda tímida...

Um beijo, mãe!

Animaçãooooooooooooo!!!

Gente, minha bateria tá descarregada! Só pode!!! Eu estou molenga. Se pudesse dormiria umas 12h direto!
Ontem fui pra cama cedo em relação à outros dias e sinceramente não estava muito a fim de deixar o ninho quando o despertador tocou! Não sei o que está havendo mas ando muito cozida!
Também não me animei pra levar a Chiquinha para passear. Nem fiquei na internet ontem. Se quer gravei as minhas fotos em CD. Daqui uns dias resolvo utilizar a câmera de novo e o memory card vai estar lotado.
Hoje estou devagar também. Com menos sono que ontem, mas ainda devagar.
Pelo menos hoje coloquei as toalhas de banho pra lavar e dei uma catada na bagunça aqui. Ainda tenho a janta por fazer... aaaaaaaaaaain...
Sexta vou ficar em casa, só quero ver...

9 de maio de 2011

Segunda-feira...

Nenhum dia na semana me deixa com mais preguiça que uma segunda-feira. Ah, tá bom vai, quarta também é um pouco xarope, mas nem se compara.
Segunda é um misto de cansaço com preguiça e sono. Quarta tem isso também, mas a sensação de final de semana chegando abafa o tédio.
Segunda-feira é o primeiro dia útil da semana mais inutil do mundo inteirinho!!! Saber que a segunda-feira está amanhecendo já me deixa chateada e o magnetismo da cama sobre meu corpo aumenta. Dá vontade de ficar lá. Por que será?

Esperto é o gato que não tem nada pra fazer!  Peguei essa imagem não lembro onde.

Não sei. Só sei que hoje eu estou a fim de ficar em casa sem fazer nada, mesmo sabendo que o mês está só começando e que logo as contas chegam aí pra serem pagas. Como não tem outro jeito, vou colar fita pra manter meus olhos abertos e trabalhar!

7 de maio de 2011

A vida como ela é

Estava eu passeando pelo centro hoje, com a minha belíssima camisa do Santos quando ouço um corinthiano folgado uma pessoa me chamando a atenção:
- E aí, santista! É amanhã hein... Só quero ver!
- Não quero ver nada, não, irmão. Fica com o Paulista pra vocês e deixa a Libertadores para nós.

4 de maio de 2011

É hoje...

O aniversário da Mimosa mais querida, se não do Brasil, lá de casa: Senhorita Miriam.
Conheci essa menina na faculdade. No primeiro ano ainda. A gente fazia algumas matérias em turmas separadas no começo e com o passar do tempo ficamos juntas em definitivo.
Ela é dessas que não passava cola, que não chamava pra sair (só se ela quisesse muito ir à algum lugar), que aparecia de surpresa na minha casa e que ligava só pra jogar conversa fora.
Hoje a gente divide espaço na mesma empresa. Ela ainda aguenta as minhas piadinhas infames e eu, as pergutinhas indiscretas dela.


É isso aí, japa. Faça com que sua vida valha a pena. Viva, não apenas exista. Corra atrás dos seus sonhos, pois o padeiro não virá entregá-los!
E mesmo com nossos erros e acertos, saiba que é muito bom ter a sua amizade.

Ai, que sono!!!

Gente, juro: Odeio quando o jogo começa tarde. Fico até tarde assistindo e sinto muito sono pela manhã.
Foi exatamente isso que aconteceu ontem. O Santos jogou com o América - MEX pela Libertadores e começaram a transmissão lá pelas 22:30h e o futebol mesmo só começou 22:45h.

Quebra eles, PH!!!

E que jogo filha da mãe foi aquele, hein!? Parecia que não acabava... Só chutão, nego fazendo e cavando falta. O Santos, se páh, fez três jogadas que poderiam ser convertidas no placar. Só vi o Neymar em duas ocasiões: Uma pra roubar a bola e a outra pra tomar lapada. E o América lá, mandando ver, chutando pra caramba.
Se o Rafael ganhasse comissão por defesa feita,  ontem ele tirava o salário do mês! Se não aprenderam a jogar bola ontem, não vão aprender nunca mais!
Domingo tem jogo de novo, contra o Corinthians pelo Paulista. E pela Libertadores, enfrentam o Cruzeiro Once Caldas.

Não quero nem ver...

3 de maio de 2011

Dá um filme...

Eu costumo me lembrar das coisas que eu sonho. Na maioria das vezes acontece quando eu estou no meio do sonho e de repente acordo.
Às vezes sonho com coisas com as quais eu estava preocupada, com temas que discuti ou com coisas que estou ouvindo quando vou dormir (a Tv do vizinho, um cachorro que late, carros na rua...). Outras vezes me vem coisas nada a ver, coisas surreais e pessoas que não verei mais.
Hoje, por exemplo, sonhei que estava na era medieval, num lugar que lembrava os filmes do Rei Arthur. Eu era prisioneira, no porão de um castelo e estava com pessoas que eu não tinha a menor amizade. Estava com fome e se algum de nós tentasse alcançar a comida os demais iam sendo prensados aos poucos. E eu não estava nem aí pra ninguém e pulei em direção à comida e todos os demais morreram.
Então, fui libertada do porão mas continuava refém. Mas eu podia andar livremente, não mais sentia fome e nem frio. Minha função era caçar os inimigos do 'rei' e matá-los. Eu simplesmente puxava uma cordinha e cortava-lhes a cabeça.
Aí, acordei. Fim.